• Guilherme Cardoso

A turma a favor da covid


É pena que o arrependimento só vem depois do fato consumado e que o castigo, o troco daquilo que se faz de errado não venha de imediato e atinja exatamente os responsáveis.

Não quero desejar mal a ninguém não, mas seria bom que a covid infectasse diretamente, uma a uma, todas essas pessoas irresponsáveis que durante o Natal e agora no Ano Novo fizeram questão de desrespeitar os protocolos de segurança, isolamento e distanciamento, promovendo encontros, indo a festas com centenas de convidados ou se esbaldando nas praias, sem máscaras e cuidados.

Infelizmente, a gente sabe que normalmente quem paga pelos erros dos outros, quase sempre são outras pessoas que se protegeram, cumpriram os protocolos, mantiveram o distanciamento. São os familiares, os amigos, os vizinhos.

Mas, que seria bom que o castigo caísse diretamente na cabeça de cada um desses irresponsáveis, isso seria o justo.

Você não gostaria que fosse assim também?

0 vistas0 comentarios